Eleições 2020: Ministério da Justiça registra 125 ocorrências no país

Brasil domingo, 29 de novembro de 2020
Eleições 2020: Ministério da Justiça registra 125 ocorrências no país











Desinformação sobre eleição também entra nos registros
Fernando Frazão / Agência Brasil





O Ministério da Justiça e Segurança Pública divulgou por volta das 9h deste domingo (29) o segundo  boletim do segundo turno das eleições municipais . Eles são publicados a cada duas horas.

Segundo dados parciais reunidos pela pasta, foram contabilizadas 125 ocorrências até as 9h em todo o país. O maior número de registros, 83, o ministério descreve como "desobediência às ordens da Justiça Eleitoral", sem mais detalhes.


Veja também

TSE mantém protocolos sanitários no segundo turno
TRE-RJ aciona Polícia Federal contra paralisação de rodoviários no Rio
Internação de candidato vira tema central de campanha em Goiânia
Auxílio emergencial e clã Calheiros são destaques em eleição de Maceió
Mais de 38 mi voltam às urnas para escolher prefeitos de 57 cidades




Também se destacam entre os crimes um furto, dois casos de boca de urna e um registro de compra de voto. Também entra na soma incidentes como três bloqueios de via, um incêndio e uma manifestação.

De acordo com o Ministério da Justiça, neste segundo turno, a Operação Eleições 2020 conta com um efetivo de 15.638 agentes das polícias civil e militar nos Estados, além de policiais federais e agentes de trânsito.

Também às 9h, a Polícia Federal informou que um inquérito policial foi instaurado por causa de crimes relacionados à eleição, ocorreram dois flagrantes e 10 pessoas foram conduzidas à delegacia.










Veja os candidatos a prefeito em disputa no segundo turno em 18 capitais
Arte/R7