Covid-19: Em vídeo com cenas reais de atendimento no HRO, Prefeitura de Chapecó pede consciência da população

Erval Velho e Região quarta-feira, 17 de fevereiro de 2021 08h29min
Covid-19: Em vídeo com cenas reais de atendimento no HRO, Prefeitura de Chapecó pede consciência da população

Assita!

A prefeitura de Chapecó divulgou na noite desta terça-feira (16), um vídeo em que pede a consciência da população, em relação a pandemia da Covid-19. As imagens que foram gravadas dentro do Hospital Regional do Oeste (HRO) mostram cenas reais de atendimentos a vítimas do novo coronavírus.

Além das cenas filmadas no HRO, o vídeo mostra aglomeração de pessoas no Centro de Chapecó. Atualmente, Chapecó possui 2.241 casos ativos da Covid-19, onde 164 pessoas estão internadas pelo vírus -58 em UTIs (41 em leitos públicos e 17 em leitos privados) e 88 em enfermaria (31 em leitos públicos e 57 em leitos privados). Conforme a Administração Municipal, Chapecó já registrou 19.175 casos confirmados.


Mortes

O município contabiliza 161 mortes em decorrência da Covid-19. Do total, 38 aconteceram neste ano – sendo 17 em janeiro e 21 em fevereiro. Ou seja, fevereiro já registrou mais mortes que o mês todo de janeiro.

Entre segunda-feira e hoje, foram contabilizadas mais quatro mortes. As vítimas mais recentes da doença foram três homens de 51, 57 e 64 anos e uma mulher de 38 anos. Três pacientes faleceram na segunda-feira e um no domingo (14)

31 de dezembro – 123 mortes confirmadas (ano encerrou com 123 mortes)

31 de janeiro – 140 mortes confirmadas – 17 óbitos em mês (janeiro encerrou com 17 óbitos registrados)

16 de fevereiro – 161 mortes confirmadas – 21 óbitos em 15 dias (pois contabiliza as mortes registradas até dia 15).

Comunicado Unimed

Ainda nesta terça-feira, o Hospital da Unimed lançou um comunicado onde reiterou que trabalha na capacidade máxima de ocupação de leitos de UTI e enfermaria. Segundo o hospital, o número de atendimentos, internações em enfermaria e UTI, não para de crescer, mas o volume de altas é expressivamente inferior ao número de internações, o que leva a unidade à exaustão da estrutura.

Veja o comunicado da Unimed

Comunicado

A Unimed Chapecó reitera sua capacidade máxima de ocupação de leitos de UTI e enfermaria. Nosso comitê de crise vem constantemente revisando os processos e os fluxos para o melhor atendimento a todos os pacientes.

O número de atendimentos não para de crescer. Na mesma proporção, as internações em enfermaria e UTI. Contudo, o volume de altas é expressivamente inferior ao número de internações, nos levando assim à exaustão da estrutura.

A Cooperativa Médica, em conjunto com a Federação das Unimeds de Santa Catarina, elaborou estratégia de busca de leitos disponíveis na rede própria do Sistema Unimed. A necessidade de transferência de pacientes para outros municípios é iminente.

Cabe ainda ressaltar que, todas as outras emergências, como infartos, por exemplo, continuam a chegar ao hospital.

As contratações de profissionais da saúde foram intensificadas. A infraestrutura e os insumos ampliados. Entretanto, mão de obra especializada e estrutura também tem um limite.

O CAOS NÃO É UMA POSSIBILIDADE, É UMA REALIDADE!

Mais do que nunca precisamos da sua ajuda. Faça a sua parte para que não vivamos o dilema de vida ou morte enfrentado por outros locais.

Portanto, novamente apelamos, restrinja ao máximo o número de pessoas com as quais tem contato. Mantenha todas as demais medidas de proteção, já exaustivamente divulgadas durante a pandemia.

A única forma de vencermos este desafio é somando esforços!

Contamos contigo!

Chapecó, 16 de fevereiro de 2021.

Diretoria da Unimed Chapecó

Fonte: ClicRDC